.

Ir para o Conteúdo  | Ir para o Menu  | Ir para o rodapé  | Ir para a Busca             Acessibilidade   | Intranet  |  SIC  |  Canal de Denúncia  | Ouvidoria   Botão do Instagram do Tribunal de Justiça de Roraima   Botão de acesso a rede social Facebook do TJRR   Botão de acesso ao canal de Youtube do TJRR   Botão  da Rede Social Twitter do TJRR

Selos Prêmios TJRR       

Autoridades destacam avanços e conquistas ao longo dos 25 anos do TJRR

 

Iniciou ontem (27) a programação alusiva as comemorações dos 25 anos de instalação do Tribunal de Justiça do Estado de Roraima. A solenidade de abertura contou com a participação de autoridades, magistrados, servidores, população em geral e foi marcada por homenagens, palestra e exposição fotográfica. Os desembargadores que fizeram parte da composição originária do TJRR e os novos membros da Corte de Justiça roraimense foram homenageados.
 
O desembargador aposentado Jurandir Pascoal foi um dos homenageados. Bastante emocionado, falou das dificuldades e desafios enfrentados na época.
 
“Hoje vivemos um momento ímpar em que a emoção nos invade ao relembrar que no dia 25 de abril de 1991, estávamos aqui os sete primeiros desembargadores que compuseram esta Corte. Fizemos um trabalho árduo, enfrentamos certos impasses, mas fomos em frente. Enfrentamos diversas dificuldades pois tínhamos uma Justiça ainda nos moldes da Justiça do Distrito Federal e Territórios. Porém, as coisas foram mudando com o tempo e hoje, o TJRR, é o terceiro no ranking dos Tribunais de pequeno porte e o primeiro Tribunal do Brasil a cumprir a meta 2 do Conselho Nacional de Justiça” afirmou.
 
A desembargadora e corregedora geral de Justiça, Tânia Vasconcelos Dias falou da importância dos Projetos implantados pelo TJRR e destacou as ações realizadas na área da conciliação.
 
“Me encontrei na conciliação. Eis que se tornou o carro-chefe da minha atuação, rendendo-me em 2010, o primeiro Prêmio Nacional de Conciliação concedido pelo Conselho Nacional de Justiça. Com a conciliação, realizei o sonho de uma Justiça cidadã levando para as ruas e lugares inóspitos, o Judiciário e outros serviços públicos assegurando sem distinção, direitos, cidadania e dignidade a todos” disse.
 
A Procuradora geral de Justiça do Ministério Público do Estado de Roraima, Elba Amarantes, afirmou que o TJRR desde sua instalação, tem galgado degraus no que concerne a modernidade e aperfeiçoamento da prestação jurisdicional.
 
“Podemos hoje destacar a recente inauguração do Fórum Criminal Ministro Evandro Lins e Silva, que abriga todas as Varas Criminais. O Tribunal inovou na concepção de projetos que acolhem a sociedade de Roraima. Cabe a mim enaltecer a Justiça Itinerante e outros como o Pai Presente, Maria vai a Escola, Patrulha Maria da Penha e os Projetos de Conciliação” afirmou.
 
O presidente do Tribunal de Justiça Almiro Padilha, destacou os desafios e conquistas ao longo dos 25 anos.
 
“O Tribunal veio se firmando com o tempo e chegou um momento que precisava expandir. Fomos em busca da construção do Fórum Criminal e conseguimos entregar à sociedade um espaço digno para todos os atores da cena jurídica” disse.
 
Ainda conforme o presidente há a necessidade de avançar em tecnologia e valorização de magistrados e servidores.
 
“Nós precisamos avançar em tecnologia, sendo necessária a transformação de todos os processos físicos em eletrônico. Outra preocupação é a motivação de magistrados e servidores. Temos que criar condições para todos trabalharem motivados. Os desafios que se colocam no dia a dia são muito grandes. Então nós temos que investir muito no ser humano para que ele esteja motivado e preparado para enfrentar essas dificuldades do dia a dia” afirmou.
 
Almiro Padilha afirmou que o TJRR melhorou muito na prestação jurisdicional.
 
“Nós saímos de 26º  para a 3ª colocação na última avaliação do Conselho Nacional de Justiça. Isso é a demonstração de que nós estamos trabalhando muito. Estamos completando 25 anos com a certeza de estar no caminho certo, promovendo a Justiça mais ágil, humanizada digna e dinâmica, resultando na verdadeira paz social” concluiu.
 
Palestra – Ao final das homenagens, o ministro aposentado do Superior Tribunal de Justiça, José Delgado, ministrou palestra jurídica “Interpretação de algumas das novas entidades processuais criadas pelo novo CPC”. Ele é especialista em Direito Civil, parecerista, consultor, advogado e foi magistrado durante 43 anos com vasta experiência na área jurídica.
 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Boa Vista, 28 de abril de 2016.

 

ASCOM/TJRR

 
Ícone WhastsApp Ícone Instagram TJRR Ícone Twitter TJRR Ícone Facebook TJRR Ícone Linkedin TJRR Ícone Spotify TJRR Ícone TikTok TJRR Ícone Youtube TJRR

Palácio da Justiça - Desembargador Robério Nunes dos Anjos

Endereço: Praça do Centro Cívico, 296 - Centro - 69.301-380

Telefones:

3198-2800 - Palácio da Justiça
3198-4700 - Fórum Cível
3194-2699 - Fórum Criminal
3198-4900 - Prédio Administrativo
3621-5100 - Vara da Infância e Juventude

Logomarca do Tribunal de Justiça de Roraima

PLANTÕES DE ATENDIMENTO - SÁBADO, DOMINGOS E FERIADOS

Plantão Judicial 1ª Instância: ☎ (95) 98404 3085
Plantão Judicial 2ª Instância: ☎ (95) 98404 3123
Núcleo de Plantão Judicial e Audiência de Custódia: ☎ (95) 98404 3085
Plantão Vara da Justiça Itinerante: ☎ (95) 98404 3086

.
Acessibilidade Visual
Contraste
Aumentar Fonte
Diminuir Fonte